Meninos de 11 anos foram vítimas de pedófilos em jogo online em Londrina
22/10/2020 15:08 em Brasil

As famílias de duas crianças de 11 denunciaram aliciadores ao Nucria, Núcleo de Proteção a Criança e ao Adolescente. Os meninos, que moram em Londrina, foram abordados em um jogo online de batalha, que tem conteúdo violento e que pode ser baixado de graça nas lojas de aplicativos.

Segundo as investigações, eles teriam enviado fotos de partes íntimas para os aliciadores. De acordo com a delegada, Livia Pini, o primeiro contato com as crianças é amistoso e depois o pedófilo intimida as vítimas.

“O indivíduo chegou a pagar créditos para as crianças dentro do jogo. Em troca, ele pede o envio de fotos e as crianças na inocência acabam enviando fotos do corpo e sem roupa. Só que esses indivíduos não param por aí e com as fotos aumenta o grau das ameaças. Eles ameaçam divulgar as fotografias se as crianças não enviarem mais fotografias ou até fazerem chamadas de vídeo”, explica.

O jogo concentra em torno de 50 jogadores on-line ao mesmo tempo e segundo a delegada, é pela plataforma os pedófilos conquistam a confiança das criança e conseguem o telefone e o Whatsapp. Na conversa privada eles convencem os menores a enviarem as fotos íntimas. A delegada conta, que a polícia trabalha com a hipótese de uma rede internacional de pedofilia, mas a identificação dos suspeitos é difícil, já que eles utilizam perfis falsos.

As denúncias não param de crescer e por isso, a orientação é para que os pais acompanhem de perto as atividades dos filhos, para evitar que eles caiam nas mãos dos criminosos.

“A gente pede aos pais vejam com quem os filhos estão conversando. Fiquem de olho nos celulares, vejam principalmente as conversas que podem ser apagadas. Além disso, esclareçam que nem todo mundo no jogo é amigo, que esse tipo de pessoa existe pra evitar que algo assim aconteça”, comenta.

FONTE: Tarobá News

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!