Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Sarampo: mais 20 casos são confirmados e colocam o Paraná em alerta
04/10/2019 16:13 em Saúde

Mais 20 casos de sarampo foram confirmados pela Secretaria de Estado da Saúde. O monitoramento registrou as novas ocorrências entre 28 de julho a 28 de setembro. Segundo a Secretaria, os novos casos apontam para um avanço rápido do sarampo no estado e colocam o Paraná em alerta. Até agora foram 59 confirmações da doença. Ainda 270 casos estão em investigação. Entre os municípios que registram ocorrências, Curitiba é o que tem o maior número de casos, são 45. A doença também teve registros em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, Jacarezinho, Maringá e Rolândia, ambos no norte do estado, e na região metropolitana de Curitiba: em Campina Grande do Sul, Campo Largo, Colombo, Fazenda Rio Grande, Pinhais, e São José dos Pinhais. Adultos jovens, com idade entre 20 e 29 anos, continuam sendo a maioria dos casos são 35. Na faixa etária entre 10 e 19 anos são outros 11 casos. Na próxima segunda-feira se inicia a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo que segue até 30 de novembro.

 

Um médico de Mangueirinha, na região centro-sul do Paraná, foi denunciado pelo Ministério Público do estado por cobrar indevidamente por procedimentos realizados pelo Sistema Único de Saúde. (SUS). O suspeito chegou a ser preso preventivamente em outubro de 2018. Na nova denúncia por corrupção passiva, são apontados 21 casos com vítimas identificadas, ocorridos entre 2015 e 2018, em que o médico teria cobrado pelos procedimentos do SUS. A pena prevista é de dois a doze anos de prisão e multa.

 

Estão marcadas para este domingo as eleições para conselheiros tutelares no Paraná. As regras e a data são as mesmas para todo o Brasil, regulamentadas pelo Ministério Público Estadual e Tribunal Regional Eleitoral. A chapa vencedora tem o direito a ocupar o cargo por quatro anos, entre 2020 e 2023, com um salário de R$ 4.684,66 para atuação exclusiva de 40 horas semanais.
Toda a população com mais de 16 anos e que possui título de eleitor vigente pode votar. É preciso levar um documento com foto no momento da votação, que será em urna eletrônica, fornecida pelo TRE.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!